Manutenção em servidor dos EUA derrubou MSN, diz suporte técnico da Microsoft


11/09/2008
A causa da pane no Windows Live Messenger (ou MSN Messenger), que enfrenta problemas para conectar seus usuários ao serviço há mais de 24 horas, é uma manutenção nos servidores da companhia nos Estados Unidos. A informação é da assistência técnica da empresa no Brasil.

No fim da manhã desta quinta-feira (11), alguns internautas já conseguiam acessar o programa, embora haja alguma demora na conexão. A Microsoft ainda não informou oficialmente o motivo da falha, que afeta o mundo todo.

O problema com o mensageiro foi confirmado ontem pelo suporte técnico da companhia no Brasil --depois, a própria assessoria de imprensa da empresa admitiu os entraves em nota oficial.

"Nós estamos investigando a causa e tomando as providências necessárias para solucionar o ocorrido o mais breve possível", informou o comunicado.

Nesta quinta-feira, a gerente geral de Windows da Microsoft Brasil, Priscyla Alves, pediu desculpas em nome da companhia. "Assim que o serviço estiver normalizado, nós avisaremos. Pedimos desculpas por qualquer inconveniente causado aos nossos usuários", diz, em nota.

Segundo dados do Ibope/NetRatings deste ano, no Brasil o MSN é utilizado por 74% dos internautas residenciais ativos, ou cerca de 17,1 milhões de pessoas por mês. O tempo de permanência por usuário vem se mantendo acima das quatro horas mensais.

Em fevereiro, um "apagão" semelhante a esse preocupou milhares de usuários do MSN pelo país. Eles recebiam a seguinte mensagem ao tentar conectar: "Falha ao entrar no Windows Live Messenger. O serviço está temporariamente indisponível. Tente novamente mais tarde".

Folha Online


Publicado por: Bira Castellano

       

Notícias